Tireoide e Diabetes

Tireoide e Diabetes

A ligação entre diabetes mellitus (DM) e doença tireoidiana é amplamente conhecida.

O DM do tipo 1A (DM1A) é uma doença autoimune resultante de uma complexa interação entre fatores genéticos e ambientais. Como as doenças autoimunes se associam, aproximadamente um terço dos pacientes com DM1A tem anticorpos anti tireoidianos (Ac anti TPO) positivos e cerca de 50% deles acabam por desenvolver hipotireoidismo num período de 10 anos.⠀

Um grande problema desta associação é que os distúrbios metabólicos observados no DM podem interferir nos níveis sanguíneos dos hormônios tireoidianos e vice-versa.

Além disso, o diagnóstico e o tratamento do hipotireoidismo impedem o aparecimento de dislipidemia e evitam os efeitos adversos da diminuição dos hormônios tireoidianos sobre o controle glicêmico (maior tendência à hipoglicemia).

É por isso que a triagem de tireopatia em pacientes com DM1 (dosagem de TSH) é justificada e deve ser feita assim que possível.

Dada a alta prevalência de tireopatias no DM2, estes pacientes também deverão ser periodicamente monitorizados com relação aos níveis de TSH (principalmente mulheres com história familiar positiva), mesmo que assintomáticos.⠀

👩‍⚕‍ Entendeu por que você precisa ter sempre seus exames em dia? ⠀

Compartilhe este conteúdo com seus amigos, saúde deve ser prioridade para todos nós ❣⠀