13 cuidados OBRIGATÓRIOS para quem tem pé diabético: reduz em 50% as amputações

13 cuidados OBRIGATÓRIOS para quem tem pé diabético: reduz em 50% as amputações

Pé diabético é o nome dado a uma complicação do diabetes caracterizada por lesões infecciosas nos pés, resultado de alterações do sistema vascular, neurológico e ortopédico causadas pela doença.

De acordo com a endocrinologista Dra. Rosália Padovani, o problema acomete diferentes tipos de diabetes, tanto o tipo 1, quanto o tipo 2 e o gestacional e o descontrole da doença é o principal fator de risco para as lesões, já que os níveis glicêmicos elevados predispõem ao aparecimento das alterações na região.

Cuidados para quem tem pé diabético

Se a pessoa que sofre de pé diabético não tratar a condição, as feridas podem se transformar em úlceras que podem levar à amputação dos membros inferiores, infecção generalizada ou septicemia.

Alguns cuidados básicos podem evitar o pé diabético e reduzir em até 50% as chances de amputação. Confira algumas dicas, listadas pela especialista na saúde dos pés Luzia Costa, criadora da Cuticularia Beryllos:

  • Cuidar das unhas uma vez por semana com especialistas
  • Não retirar as cutículas das unhas
  • Ao cortar as unhas, acertar os cantinhos com lixas
  • Usar sapatos especiais para diabéticos
  • Evitar uso de sapatos de salto alto, apertados ou com de bico fino
  • Lavar os pés diariamente com água morna e sabonete de glicerina e secá-los bem após o banho, inclusive entre os dedos
  • Evitar tabagismo
  • Controlar a pressão alta
  • Abandonar o sedentarismo
  • Não fazer compressas nos pés (nem com água quente ou fria)
  • Usar meia sem costura (ou usar com a costura para fora)
  • Manter os pés sempre hidratados com cremes
  • Evitar andar descalço

Sintomas do pé de diabético

Os sinais perigosos que surgem nos pés e indicam o quadro são:

  • Formigamento
  • Dor e queimação
  • Pés avermelhados ou arroxeados
  • Pele seca e descamada
  • Pé frequentemente gelado
  • Cãibras
  • Cansaço nas pernas
  • Feridas
  • Necrose
  • Perda de sensibilidade

Pé de diabético tem cura? Como tratar?

As feridas podem ser curadas com o tratamento adequado, mas o pé diabético, que está relacionado à alteração de sensibilidade, não tem cura. Qualquer sinal de ferida nos pés deve receber cuidados para evitar a evolução do problema.

Diabetes: cuidados e tratamentos

  • Mulheres podem ter diabetes por causa destes 7 comportamentos
  • Este protocolo pode regenerar o pâncreas e tratar diabetes tipo 1 e 2
  • Reduza o açúcar no sangue com estes 7 alimentos e evite pré-diabetes

Fonte: https://www.vix.com/pt/saude/566484/13-cuidados-obrigatorios-para-quem-tem-pe-diabetico-reduz-em-50-as-amputacoes

Conheça mais as especialidades da Dra. Rosália Padovani

senha